Páginas

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Never think

Sinceramente não aconselho a visualização do vídeo, mas a música é de facto muito bonita, na minha humilde opinião!
Para os homens, não se esqueçam de pôr de parte o facto de fazer parte da banda sonora da saga Twilight e também poderão apreciar...



Podiam ter-se esmerado mais um bocadinho no videoclip, mas gosto muito!

Bom resto de semana... que esta está a custar a passar para canudo...

Salada com enroladinhos

Aqui deixo mais uma alternativa de refeição para levar para o trabalho. Muito prática desde que se tenha o cuidado de levar o molho da salada num recipiente à partem ou caso contrário a salada irá ficar melada...

Salada com enroladinhos

- Fatias de bacon
- Tâmaras
- Alface
- Tomate cherry
- Sal, azeite e orégãos q.b.

Levar ao forno num tabuleiro os tomates temperados com sal, regados com azeite e polvilhados com orégãos, a 180ºC até ficaram assados.
Enrolar as tâmaras (sem caroço, para não partir dentes) com uma fatia de bacon e prender com um palito. Levar ao forno até dourar. Eu deixei "dourar" demais, mas pronto, dá para perceber a ideia!

Num prato / recipiente espalhar a alface (ou mistura de salada) depois juntar uns tomates e após retirar os palitos das tâmaras espalha-las por cima em quantidade a gosto.

Para temperar a salada podes/deves utilizar o azeite onde assaste os tomatinhos.

Produto final:


sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Perdoname

Com o desejo de um óptimo fim-de-semana, uma música que gosto muito!


Lasanha do mar (e da terra)

Quando experimentei esta receita, não estava muito confiante no resultado e portanto só tenho fotos do produto final e já sem um pedaço... achei mesmo que não ia ficar nada bom!
Mas depois da primeira garfada percebi que tinha sido uma aposta ganha. Um prato saboroso e pelo menos parece-me a mim, uma alternativa mais saudável à tradicional lasanha de carne.

Lasanha do mar

- Folhas de massa para lasanha,
- Espinafres salteados (depois de lavados vão ao tacho com um pouco de azeite e alho, cozem na própria água)
- Atum q.b.
- Camarão cozido e descascado
- Molho bechamel
- Queijo ralado

e é só montar...

Num tabuleiro de ir ao forno untado colocar:
- folha de lasanha,
- espalhar alguns espinafres,
- um pouco de atum,
- e pedaços de camarão,
- folha de lasanha,
...
- depois das camadas todas, por cima espalhar o molho bechamel e o queijo ralado para ficar com aquele aspecto final de crescer água na boca.

Vai ao forno pré-aquecido a 180ºC até ficar douradinha. E está prontinha!

Desculpem as fotos... quando repetir o feito, faço uma daquelas foto reportagens bem grandes! :)


quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Palmiers

Tantos posts que poderia ter feito nos últimos dias, mas o tempo escasseia e infelizmente nem sempre dá para fazer o que estava inicialmente planeado...

A peça É como diz o outro... foi um espectáculo, chorei de tanto rir, a companhia não podia ser melhor e foi mesmo um serão como estava a precisar!

O Dia dos Namorados não passou despercebido lá em casa, até porque desde o ano passado esta dia tem um significado especial. Foi o dia em que pusemos a corda na garganta quando assinamos a escritura da nossa casa... e pronto, temos de comemorar a dívida da nossa vida, que nos vai carregar até ao fim dos nossos dias... Tivemos direito a menu especial preparado pela je e que entretanto vou mostrar (mas antes ainda tenho umas quantas...).

Entre greves e mais greves, manifestações, crises, aumentos de IRS e diminuições de feriados, aqui fica uma receita para adoçar a boca e de grau de dificuldade muito acrescido! :)

Palmiers

- Massa folhada
- Açúcar

Basicamente trata-se de espalhar açúcar na bancada, estender a massa por forma a ficar um rectângulo (no meu caso, não muito bem sucedido!).

Espalhar açúcar por cima da massa (+ ou - conforme o gosto de cada um, eu pus pouquinho, mas também ainda não tinho noção de como ficaria), enrolar dos lados mais compridos até ao centro e apertar um bocadinho para fixar.

Cortar fatias com cerca de 1cm de espessura e espalhar num tabuleiro de ir ao forno (de preferência revestido com papel vegetal, mas como o meu tinha acabado, foi mesmo assim) e vai ao forno pré-aquecido a 180ºC até ficarem douradinhos a gosto.

E é só comer... muito bom e caseirinho!

Aqui fica a reportagem fotográfica das costume! :)))))








quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Bolo rainha de chocolate e creme de ovo

A passagem de ano foi também mais uma oportunidade de utilizar a minha máquina de fazer pão.

Um preparado próprio para bolo-rei na máquina e voilá!

Neste bolo-rei decidi juntar os ingredientes que gosto e eliminar os que não aprecio. O resultado foi:


Bolo rainha de chocolate e creme de ovo

Bolo rainha porque apenas levou frutos secos (e nada de frutas cristalizadas!), com pepitas de chocolate e creme de pasteleiro no recheio!


Enquanto a máquina trabalhava a massa pus as pepitas de chocolate no congelador para ficarem mais duras e não derreterem mal ficassem em contacto com a massa.

Quando a massa ficou pronta, frutos secos em cima e pepitas de chocolote. Misturei bem, estendi e espalhei o creme de pasteleiro por cima. Enrolei e "tentei" conseguir a forma de bolo-rei!

Foi ao forno a 50ºC para levedar e depois pincelei com ovo e decorei com amêndoa palitada.



Deixei cozer e finalmente polvilhei com açúcar em pó!
E ficou assim...



Passagem de ano

Sim, sei que já lá vai há muuuuuuiiiiiiitttttooooooooo, mas finalmente tirei as fotos da máquina e portanto decidi mostra-las agora! Ainda vai ser antes do Carnaval, por isso vai a tempo!

Para além da mesa, mostro também duas sugestões de aperitivos.




Tostas de azeite e sal com paté de atum


Massa filó recheada com queijo chevre e compota de framboesa

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Haka Barrosã

Sem mais a acrescentar... só acho que nos deixa mais bem dispostos!

Cake design #2 Continuação

1.ª fase de decoração: os rebordos dos andares... disfarçar a falta de perfeição!
Aqui optei por um folho branco com bolinhas cor-de-rosa



Um laçarote para alegrar o 2.º andar!


Muitas flores para uma flor! Com uma tentativa (eu sei, um pouco falhada) de uma bailarina no topo, uma vez que a aniversariante faz ballet.

E o resultado final:








E a hora a que terminamos a obra de arte!

Para uma menina muito especial!

Pediram-me que fizesse o bolo de aniversário para uma menina que tem um lugar muito especial no nosso coração e, claro, não podia recusar, para além do grande orgulho que senti pelo facto de me terem pedido!

Objectivo: surpreender (pela positiva) a aniversariante!
E o objectivo foi atingido... apesar de todo o trabalho que deu, valeu tanto, mas tanto a pena só por ver a alegria genuína no olhar da nossa M.!

Aviso já que este bolo não prima pela perfeição, mas foi feito com MUITO carinho!

Vou mostrar mais ou menos as diferentes fases de execução deste bolo, por isso decidi dividir em dois posts. O primeiro será o recheio, montagem e cobertura e o segundo a decoração e resultado final.

Aspecto geral da cozinha (ups!!!) quando comecei a fazer o bolo!

A base que utilizei para o bolo


A primeira cada do primeiro andar do bolo, pão-de-ló de entremeios


Recheio de morango


Chantilly para dar mais frescura



Camada de bolo duplo-chocolate (adoro este bolo!)


... e por aí fora... recheio de morango, chantilly, camada de pão-de-ló, recheio de morango e terminei com a quarta camada que foi de duplo-chocolate.


Por engano (e sobretudo falta de experiência) depois o cobri o bolo com chantilly! Deveria ter cobrido com pasta de manteiga para facilitar a aplicação da pasta de açúcar, mas lembrei-me tarde de mais!


Cobertura de pasta de açúcar cor-de-rosa (como tinha de ser para a nossa menina!)


Repeti o processo para o segundo andar do bolo, que foi substancialmente mais pequeno, e cobri com pasta de açúcar cor-de-rosa mais soft.


E fico por aqui... o resultado final, no próximo post!

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Sandes de frango

Por vezes as coisas mais simples são as que nos sabem melhor e muitas vezes nem nos lembramos como são fáceis de fazer. Este é um exemplo
Sandes de frango

É também uma óptima opção para levar para o trabalho.

Do frango que cozi e usei para fazer os mini-quiches, guardei algum para fazer estas sandes.

- frango cozido
- maionese
- alface
- cenoura ralada
- ananás
- pão

Desfiar muito bem o frango e misturar com a maionese. Temperar mais esta mistura ou não é uma opção de cada um.
Abrir o pão, barrar com a pasta, esplhar alguns pedaços de ananás, cenoura ralada e alface.
E está prontinha a comer!


Frase do dia

As coisas por cá estão tão mal e a crise é tão grande que até a chuva emigrou!

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Ui, ui...

Nada como uma manhã sem software para ficar com nervos em franja...

Respira fundo... e aguenta! É mais sábado, menos sábado... mais umas horas de trabalho... respira fundo... aguenta...

Tarte de banana e chocolate

Aqui temos uma receita que é uma verdadeira bomba calórica... quis experimentar, mas à primeira colher fiquei logo esclarecida. Muito boa de facto... mas não aconselhável a quem pretende manter ou baixar (MUITO) a linha!
Para os que não têm problemas com isso aqui fica

Tarte de banana e chocolate

1 pacote de bolacha maria
125gr de manteiga (usei vaqueiro líquida)
1 lata de leite condensado cozido
2 bananas
50gr de chocolate derretido com uma colher de manteiga e outra de leite (no micro-ondas é um instantinho!)

Picar a bolacha e juntar a manteiga derretida. Misturar bem.
Forrar uma tarteira movível com a mistura calcando bem. Levar ao frigorífico até prender.

Depois de firme cubrir a mistura anterior com o leite condensado cozido. Guardar no frigorífico.
Antes de servir, cubrir a superfície da tarte com rodelas de banana e com o chocolate previamente derretido formando circulos.
Para a banana não escurecer pincelar com um pouco de sumo de limão. E para ser mais fácil fazer os círculos com o chocolate (pelo menos para mim foi!) usar a "colher" de mel.


E fica assim: